A professora viu o desenho da família do aluno, todos de mãos dadas: vó, vô, ele, pai um e pai dois.

4 comentários:

Suellen disse...

É uma cena que os professores vão vivenciar muito.

=D

Gostei!

HÉLIO SENA disse...

Belíssimo conto. Show!

mural do ajosan disse...

É pra onde infelizmente nosso mundo está sendo encaminhado, amigo. Bem oportuno e inteligente -como sempre - seu nanoconto. Abraços.

Roberta Santos disse...

E a professora irá avaliar o desenho da mesma forma como se fosse pai um e mãe um, porque ela vai perceber a expressão do amor da criança no desenho que fez ao invez de enxergar apenas e tampouco a voz dos preconceitos. Lindo nanoconto. Parabéns. São tão pequenos e tão grandes...

Postar um comentário